Português Italian English Spanish

Anitta lança perfume para ser usado nas regiões íntimas

Anitta lança perfume para ser usado nas regiões íntimas

Data de Publicação: 1 de agosto de 2022 11:02:00
Chamada de Puzzy by Anitta, a fragrância foi inspirada em um hábito que a cantora possui há anos e que a ajuda a se sentir mais sexy

 

Anitta inovou mais uma vez a sua veia empresária e acaba de adicionar um novo produto à sua lista de co-criações: um perfume para as regiões íntimas. A fragrância foi desenvolvida em parceria com a farmacêutica Cimed, que possui uma ampla atuação no segmento de cuidados ginecológico e sexual. 

Chamado de Puzzy by Anitta, a ideia para a criação do produto surgiu a partir de um hábito antigo da própria cantora, que já usava uma fragrância íntima desenvolvida por uma amiga. Em entrevista à Vogue, a artista revelou que acreditava tanto no potencial do perfume íntimo que procurou a Cimed para propor trabalharem juntas na produção em larga escala. Como co-criadora, Anitta receberá parte das vendas do cosmético.

"Fui atrás da Cimed para que nós, em conjunto com a minha amiga Marcela, pudéssemos produzir o Puzzy. Quem me acompanha há bastante tempo sabe que eu sempre usei a colônia da Marcela e sempre amei. Então levar essa fórmula para mais pessoas é uma realização muito grande. Agora todo mundo vai ter acesso a esse bafo", contou ela.

A criação do produto, que também pode ser usada por todo o corpo, passou por testes ginecológicos e dermatológicos e chegou a uma fórmula 100% livre de álcool para não causar ardência, parabenos e hipoalergênica. O processo de desenvolvimento levou cerca de um ano. A colônia em spray foi produzida com três fragrâncias diferentes e cada uma ganhou nomes que remetem à músicas icônicas da cantora: Se Envolver, Agátta e Preparada. 

Segundo Anitta, o conceito por trás da fragrância é perfumar regiões íntimas e proporcionar bem-estar e qualidade da vida sexual, promovendo o empoderamento pessoal e elevando a autoestima de quem usa. "Se sentir sexy tem a ver com o nosso interior, sabe? Se entender e se amar em primeiro lugar resulta em estarmos mais sexy e confiantes. A partir daí, cada um sabe como se sentir mais seguro de si. No meu caso? Gosto de estar sempre cheirosa", disse.

Questionada se já recebeu comentários positivos sobre o uso da colônia íntima, a cantora garante que sim: "Não tem como não sentir, amor! (risos) E vocês vão sentir assim que provarem o Puzzy!" Para Anitta, aos poucos a sociedade está desmistificando os preconceitos em relação ao sexo e à saúde sexual, e o lançamento do perfume íntimo é uma prova disso. "Eu fico muito feliz de ver que esse tem sido cada vez mais um território explorado e falado. É muito necessário que a gente se sinta bem com nossos próprios corpos e que entenda o nosso prazer. Eu sempre tratei o assunto com naturalidade, como eu acredito que deve ser. Nunca vi como um tabu", disse.

A Cimed produzirá mais de um milhão de unidades para o lançamento do perfume íntimo e a expectativa da farmacêutica para as vendas do produto neste ano é de R$ 40 milhões. Puzzy by Anitta será vendido nas farmácias do país e, futuramente, deve ser exportado para os Estados Unidos e México. O valor do produto é de R$ 69,90.

"Estamos muito animadas com esse lançamento em parceria com a Anitta, uma das maiores artistas da atualidade. Acreditamos muito no potencial de Puzzy, que marca a entrada da Cimed em uma nova categoria: a perfumaria, mercado que movimenta R$ 28 bilhões no Brasil – sendo apenas 1% desse volume vendido em farmácias. Ou seja, temos um enorme potencial para expansão nesse canal. É o primeiro perfume que pode ser usado nas regiões íntimas e, como diz Anitta, um segredinho que quem conhece nunca mais deixa de usar", disse à Vogue Karla Felmanas, vice-presidente da Cimed, que também vê a inovação como um avanço na desmistificação do uso de produtos íntimos no país. "As pessoas estão cada vez mais preocupadas com a saúde e o bem-estar sexual, e isso vem impulsionando o mercado para inovar nesse sentido".

Anitta lança perfume para ser usado nas regiões íntimas

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário