Português Italian English Spanish

Fernando de Noronha recebe primeiro voo carbono neutro do Brasil

Fernando de Noronha recebe primeiro voo carbono neutro do Brasil

Data de Publicação: 2 de setembro de 2021 17:27:00
Pegada carbônica deixada nas duas viagens é 'apagada', sem custo extra aos passageiros

Fernando de Noronha recebeu o primeiro voo carbono neutro do Brasil. A aeronave da Gol, que decolou do Aeroporto do Recife, pousou no terminal aéreo da ilha às 15h55 (horário local) dessa quarta-feira (1º).

A partir desse voo, todos os voos de ida e volta da Gol para o arquipélago têm emissão neutra de carbono, iniciativa que busca ser uma referência para a aviação sustentável no País. A ação da Gol nasceu de uma pareria com a Moss, uma das maiores plataformas de créditos de carbono do mundo.

A Moss doa a todos os clientes da companhia aérea e moradores da ilha, na rota Recife-Fernando de Noronha-Recife, a compensação da pegada carbônica de suas viagens, de forma a neutralizar as emissões de carbono nos dois trechos.

Com isso, a pegada carbônica deixada nas duas viagens é "apagada", sem custo extra aos passageiros. Ao final da viagem, após o pouso em Fernando de Noronha, todos os clientes foram presenteados com um certificado “verde”, emitido em papel semente, pela compensação individual de carbono.

Em fala a bordo durante o voo, o piloto e assessor de projetos especiais da Gol, Pedro Scorza, citou o momento aos passageiros. 

“Vocês são os primeiros clientes do primeiro voo brasileiro carbono neutro. A Gol, em parceria com a Moss, está compensando todas as emissões de gases de efeito estufa provenientes da operação do nosso voo, transformando a experiência de vocês nessa etapa, seja na ida ou seja na volta, em uma experiência de impacto neutro na mudança climática e nas emissões”, disse.

"É uma meta do Governo do Estado reduzir a emissão de gases de efeito estufa na ilha de Fernando de Noronha, utilizando formas ambientalmente corretas de abastecimento, com energia renovável e automóveis que não agridam o meio ambiente. Estamos olhando para o futuro, para as próximas gerações, e fazendo da ilha um exemplo a ser seguido", explicou o administrador da ilha, Guilherme Rocha.

Os voos entre o Recife e Noronha são operados pela Gol com o jato Boeing 737 700, de última geração, com capacidade para 138 passageiros. 

“Sabemos que quem vive na ilha é fortemente afetado pelo aumento do nível dos oceanos gerado pelas mudanças climáticas. Conter esse processo exige esforços imediatos e coletivos”, concluiu o fundador e CEO da Moss, Luis Adaime.

 

Fernando de Noronha recebe primeiro voo carbono neutro do Brasil

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário