Português Italian English Spanish

Bruno Cardoso, vocalista do grupo de pagode Sorriso Maroto, é diagnosticado com derrame pleural

Bruno Cardoso, vocalista do grupo de pagode Sorriso Maroto, é diagnosticado com derrame pleural

Data de Publicação: 9 de agosto de 2019 A assesoria do cantor informou que o procedimento é simples e não tem relação com a doença anterior

Bruno Cardoso, vocalista do grupo de pagode Sorriso Maroto, foi diagnosticado com um derrame na pleura, no pulmão, e vai passar por procedimentos médicos nesta sexta-feira. A assessoria de imprensa do cantor informou que os shows de agosto ao início de setembro serão cancelados para que o artista passe por procedimentos médicos.

A equipe do cantor, que teve que se afastar dos palcos em 2018 para tratar uma miocardite, informou que o novo procedimento é simples e não tem relação com a doença anterior. Derrame pleural é o acúmulo excessivo de líquido no espaço entre as membranas que recobrem o pulmão. Entenda mais sobre a doença:

A causa mais comum em pessoas na idade do cantor é a tuberculose pleural. Mas a condição também pode ser provocada por pneumonia, insuficiência renal e até metástase de câncer — explica o pneumologista Gilmar Alves Zonzin, presidente do Conselho Deliberativo da Sociedade de Pneumologia e Tisiologia do Estado do Rio (Sopterj).

As pleuras são duas membranas que cobrem o pulmão e a caixa torácica. É normal ter um líquido, em pequena quantidade, entre as duas membranas. Sua função é facilitar a expansão do pulmão durante a respiração. O problema é quando o líquido aparece em grande quantidade. O diagnóstico é feito baseado nos sintomas e em exames de imagem, como detalha Rogério Rufino, presidente da Sopterj:

— Com a radiografia conseguimos identificar a presença do excesso de água. A partir daí pedimos uma tomografia e um ultrassom do tórax para dimensionar a quantidade.

O tratamento vai depender do tipo de problema que provocou o derrame na pleura. Para diagnosticar a causa é preciso fazer uma pulsão do líquido e retirar um pequeno fragmento da pleura para biópsia.

— A duração do tratamento e a indicação de repouso vai depender da causa, mas essa não é uma condição na qual a pessoa leva a vida normalmente sem nenhum cuidado — diz Zonzin.

 

A assesoria do cantor informou que o procedimento é simples e não tem relação com a doença anterior

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário