Português Italian English Spanish

Vereadora de Ponta Porã busca recursos para melhoria da cidade através de reuniões com lideranças do Estado

Vereadora de Ponta Porã busca recursos para melhoria da cidade através de reuniões com lideranças do Estado

A busca de recursos para o município, faz parte da atuação de vereadora Anny Espinola (PSDB), onde fortalece parcerias e busca investimentos para o município, no início deste mês, a vereadora se reuniu na capital do estado Campo Grande com o Deputado Estadual Coronel David (PSL), com o qual mantém uma amizade muito próximo, e desenvolvem ações em conjunto, pois possuem muitos objetivos em comum, o que vem fortalecendo as políticas públicas em todo o Estado.


Durante a semana ainda participou de uma reunião, no gabinete do prefeito Hélio Peluffo Filho (PSDB) e com Secretário de Saúde Estadual, Geraldo Resende, que se encontrava acompanhado do Deputado Federal Vander Loubet (PT), Deputado Estadual Barbosinha (DEM), para tratar dos avanços que Ponta Porã precisa, bem como uma direta ação do Governo do Estado em relação a Saúde da fronteira.


A vereadora de Ponta Porã, Anny Espínola, nos últimos dias esteve em Brasília  em busca de recursos. Em sua agenda, teve reunião com a Deputada Federal Rose Modesto (PSDB), a qual levou em mãos, um documento solicitando recursos para pavimentação asfáltica.


Anny ainda falou com a Deputada Federal Rose Modesto, sobre os avanços no combate a violência contra a mulher, ressaltando seus projetos aprovados, conforme comentou esta semana na tribuna, em sessão ordinária, sobre um caso de violência que viralizou nas redes sociais. Anny e Rose, são parlamentares que abraçaram a luta pela defesa da dignidade da mulher e integram ações em conjunto para combater todo tipo de violência.

“Esta e minha luta, está e minha causa, é um dos temas que estarei tratando no PSDB mulher em Brasília”, disse Anny


A vereadora Anny Espinola, presidente do PSDB-Mulher de Ponta Porã, vice-presidente do PSDB-Mulher no estado do Mato Grosso do Sul e autora de vários projetos em defesa da mulher na região, onde tem promovido Audiências Públicas anuais sobre o tema.

“Sabemos que o tema não é novo, mas nós precisamos sensibilizar, conscientizar, lembrar os meios para produzir indicativos que nos permitam avaliar se as leis estão sendo cumpridas. A violência contra mulher no Brasil é um problema muito sério, precisamos mostrar a necessidade de erradicar essa violência e divulgar os mecanismos legais existentes para coibir”, defende Anny Espinola

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário