Português Italian English Spanish

Eu Sou Mais Eu: Em tempos de likes, filme com Kéfera valoriza a amizade

Eu Sou Mais Eu: Em tempos de likes, filme com Kéfera valoriza a amizade

 

Passar ileso pelos desafios da adolescência parece ser impossível. Um período conturbado na vida de muitos jovens que pode deixar marcas mesmo após a vida adulta. É o caso de Camila, interpretada Kéfera Buchmann em Eu Sou Mais Eu.

A personagem é uma cantora de sucesso, que atrai o público com sua música pop, apesar dos comentários negativos da imprensa. Contudo, sua adolescência foi conturbada. Voltar no tempo é a oportunidade perfeita para dar a volta por cima. Além disso, é chance de se vingar de quem infernizou a sua vida.

No filme, Camila Mendes (Kéfera Buchmann) é uma popstar arrogante, que busca o sucesso a todo custo. Prestes a lançar uma nova música, ela é surpreendida em casa pela visita de sua fã número 1 (Estrela Straus), que insiste em tirar uma selfie com ela. O que Camila não esperava era que tal situação a levasse de volta à adolescência, quando sofria bullying de praticamente todos no colégio. Seu único amigo é Cabeça (João Côrtes), que tenta ajudá-la a encontrar seu verdadeiro eu, já que só assim conseguirá voltar à sua realidade.

 

 

Atuações dão o tom dos personagens de “Eu Sou Mais Eu”

Na realidade, no presente, Cabeça não é nada amigo de Camila. Mas quando ela volta para o passado, ela lembra que ele era seu único companheiro. O resgate e a valorização dessa amizade é um dos principais pontos da trama. O roteiro deixa de lado a ideia de que para ser “mais eu” é necessário passar por cima de tudo e todos, principalmente os que estão do nosso lado, para alcançar os objetivos.

O destaque do filme é o entrosamento de Kéfera Buchmann com João Côrtes. Enquanto ela acerta em cheio em mais um trabalho para o público jovem, ele encara com muita leveza o personagem. Giovanna Lancelotti também chama atenção. Sua personagem, Drica, mostra várias nuances em diferentes fases da vida de Camila. Isso exige que a atriz se torne, sem excessos e com bastante êxito, multifacetada.

Ignorando algumas clichês típicos dos filmes nacionais destinados aos jovens, Eu Sou Mais Eu diverte e traz uma boa mensagem para o seu público alvo, tornando-se uma boa pedida para esta época de férias escolares.

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário